vendas@metalmag.com.br 11 5523-8400


Placa Magnética

Michael Faraday foi quem descobriu o magnetismo e os efeitos elétricos provocados por este fenômeno físico. Desde então este fenômeno é bastante estudado e explorado, sendo a indução magnética muito usada em vários setores da indústria: na produção de ferramentas industrias, equipamentos industriais, bens de consumo, eletrodomésticos, informática, aparelhos hospitalares, etc. Praticamente não existe uma fração de hora em que não estamos em contato com este fenômeno ou tarefa que não dependa dele direta ou indiretametne.

Na indústria, o magnetismo está presente praticamente em todos os setores fabris, sendo extremamente importante na transmissão de energia elétrica ou na geração de energia mecânica.  No setor de reciclagem, além dos motores elétricos que fazem o transporte de todo o material, o ímã atua como equipamento de separação de matérias ferrosos, que são atraídos pelo magnetismo, dos materiais não ferrosos, como no caso da placa magnética.

No setor da usinagem, a indução magnética é utilizada como solução eficiente para a fixação de peças ferrosas. Uma máquina operatriz configurada com sistema de fixação por placa magnética possui vantagens como maior produtividade, menor tempo de fixação da peça, não há desnivelamento e desajustes e, consequentemente, diminui os custos de produção. Comumente, a placa magnética é usada em retíficas, tornos, fresas, plainas e máquinas de eletroerosão.

O magnetismo da placa magnética, em ambos os casos de aplicação, pode ser gerado através de eletroímãs ou ímãs potentes como os de Neodímio, dependendo da aplicação e da necessidade da força magnética necessária para a execução da tarefa. Nas atividades de separação magnética os ímãs de Neodímio são excelentes opções, aliando baixo custo de operação e eficiência, sem consumo de energia elétrica. Na usinagem, uma avaliação do equipamento em que a placa será instalada e dos materiais que serão fixados nela devem ser analisados, pois nos casos de peças com superfície irregular, a placa eletromagnética é mais versátil e adequada.

23 de julho de 2018
Voltar